Copa TV Grande Rio: Emoção e muita festa nas decisões da categoria de base

Ginásio lotado, torcidas eufóricas e grandes atletas decidindo quais seriam as equipes que ficariam com os títulos da categoria de base da 23ª Copa TV Grande Rio de Futsal.

Desde o fim da manhã do sábado (18), a movimentação em frente ao SESC/Petrolina já era intensa, com torcedores ansiosos pela abertura dos portões. O motivo: é que a partir das 13h30 estava programada a primeira final valida pela categoria de base.

Divisão de Base

Em quadra, filhos ansiosos para comemorar as primeiras conquistas de suas vidas e encher seus pais de orgulho. Se bem que vencendo ou perdendo o jogo eles já são campeões na vida das mamães, papais e professores.

Os primeiros a vibrar com o título, foram os meninos do Escola Ana Nery que depois de empatar em 3 a 3 com o Colégio Auxiliadora no tempo normal, venceu por 2 x 0 nos pênaltis e ficou com o título da categoria de 8 a 10 anos.

A tarde seria mesmo repleta de emoções. Isso ficou ainda mais claro no jogaço entre Escola Dr Edson Ribeiro x Escola Saber pela categoria 10 a 12 anos. Os meninos do Edson estiveram sempre na frente do placar, mas a turma do saber não desistiu e chegou a empatar o jogo em 6 x 6. Só que no último minuto, a turminha do Edson achou um gol do título e ficaram com o troféu de campeão.

Colégio Encontro x Colégio Auxiliadora decidiram a categoria de 12 a 14 anos. Pra variar mais um jogo daqueles, com direita a virada e emoção nos últimos. A Auxiliadora abriu o placar na primeira etapa, só que no segundo tempo o Encontro partiu para cima e conseguia a virada e um golga no placar. A Auxiliadora não desistiu, mas não teve forças para reverter o resultado. Final Colégio Encontro – Campeão 4 x 3 Auxiliadora.

O Festa da base terminou com a rapazes da categoria 15 a 17 anos. A única final disputada entre duas escolas públicas, também foi de arrepiar. O EREM Clementino Coelho de Petrolina encarou a Escola Ministro Marcos Freire de Cabrobó. O jogo foi disputado, mas desde o início o Clementino tomou as iniciativas e foi premiado com 2 gols. Os garotos de Cabrobó chegaram a diminuir o placar, só que a tarde era mesmo dos jovens de Petrolina que marcaram mais uma vez para soltar o grito de campeão.