[Vídeos]: Chuva forte alaga casas em Petrolina nesta quarta-feira (13); prefeitura reforça serviços

Invasão Santa Terezinha em Petrolina. (Foto: WhatsApp)

O temporal registrado na madrugada desta terça-feira (12) causou estragos em alguns bairros de Petrolina (PE). Várias ruas ficaram inundadas e casas foram invadidas pela água. Foi o que registrou, através de vídeo enviado à produção do programa Nossa Voz, o morador José Marcos Alves de Souza. Ele reside no Projeto Senador Nilo Coelho, Vila Nova do N-7.

José classifica o serviço asfáltico da Avenida como mal feito, sendo um dos fatores relevantes para o não escoamento d’água. “Perdi muitos móveis, tudo molhado aqui, a água invadiu minha residência, nunca imaginei que isso pudesse acontecer. O novo asfalto foi mal feito, não tem como a água da chuva escorrer”, relatou o ouvinte mostrando a situação através de vídeo, confira nos links abaixo.

https://www.youtube.com/watch?v=i5MAKP_AHeA&feature=youtu.be

https://youtu.be/I-zk-R-CYGM

Já na zona periférica da cidade, como na Invasão Santa Terezinha, localizado no bairro João de Deus, a chuva causou transtornos aos moradores. Segundo relatos de Lívia, a água tomou conta de tudo naquela localidade. Ela enviou um vídeo mostrando a situação e contou que muitos moradores tiveram que abandonar suas casas.

https://youtu.be/6OTsJ9eWnFE

Outro relato foi da moradora Josefa que participou ao vivo do Nossa Voz nesta manhã (13), ela reside do bairro Antônio Cassimiro em Petrolina. Segundo a comunitária, o apartamento ficou totalmente danificado com a chuva, ela contou que muitos moradores perderam muitos objetos.

A prefeitura de Petrolina informou que está realizando vistorias nas áreas afetadas pela chuva e reforça serviços de drenagem e desobstrução de canais. 

Desde o início da madrugada desta quarta-feira (13), Petrolina recebe chuvas torrenciais em diversas partes da cidade. Em cerca de quatro horas, choveu entre 40 e 60 milímetros na Capital do Sertão pernambucano. Desde as primeiras horas, as equipes de Serviços Públicos da prefeitura têm ido aos trechos mais críticos para atender as demandas de trabalho nos locais classificados como urgentes e de risco. 

Os principais pontos afetados pela água foram os bairros Dom Avelar, Henrique Leite, São Joaquim, São Gonçalo, Quati, Centro e Jardim Guanabara. Em todos esses locais, a prefeitura já encaminhou frentes emergenciais de trabalho. 

A Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (Seinfra) vem intensificando nas últimas semanas a limpeza de canais, em decorrência do período chuvoso previsto para janeiro. Para minimizar os transtornos das chuvas desta noite, a prefeitura mobilizou técnicos com máquinas e diversas equipes para realizar monitoramento, serviços de desobstrução, drenagem, retirada de lixo e areia dos canais, entre outras medidas. As equipes seguirão o trabalho durante toda a semana. 

Além dos serviços emergenciais, a prefeitura está em fase inicial de licitação do projeto de macrodrenagem que irá solucionar o problema na cidade. Essa empresa, que será contratada, ficará responsável por desenvolver estudos das bacias hídricas existentes no município e elaborar um plano de ações que contemple o escoamento das águas da chuva. 

A previsão é de chuva até esta quinta-feira (14). Até o momento, não houve registro de queda de  árvores ou de desabrigados no município. As equipes seguirão em estado de alerta nos bairros ao longo do dia. Em caso de emergência, a população pode acionar a Defesa Civil pelo telefone 153.

Compartilhe:

Ouça nosso podcast: